Caso Adriano: embrulhada

AdrianoSegundo consta, Adriano estava no banco de trás do carro, de onde partiu o disparo. Mas pode ser que também estivesse no banco da frente, de acordo com uma testemunha.

Segundo consta, a arma com que Adriano apareceu na foto e que deu o maior quiprocó era de brinquedo.

Segundo consta, os 60 mil não foram enviados a traficantes, mas sim usados por sua mãe na compra de cestas básicas para crianças carentes.

Segundo consta, Adriano negou ter presenteado a mãe de um traficante com uma moto.

Segundo consta, ele estava de férias quando a nova embrulhada começou, portanto o Corinthians não tomará medida disciplinar, a “vida particular” de Adriano é problema dele.

Eu não tenho nada com isso, mas como está no noticiário, é fato público. Não estou aqui pra jogar pedra em ninguém, nem para julgar.

Mas, vem cá. Eu sou corintiana de carteirinha e adoro o jogador, mas na “vida privada”, ou ele é um tremendo de um pé frio, ou estão armando pra ele, ou tem coisa muito podre por baixo disso tudo. E eu prefiro nem dizer o que eu acho.

Zailda Coirano

Website ǀ SOS Idiomas ǀ Facebook ǀ Twitter ǀ Web rádio (em breve)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: