A dieta do cinto

Essa acabei descobrindo por acaso, e dá resultado mesmo, meu marido pode comprovar. Não tem que comer cinto nenhum não, caro leitor. A dieta é bastante simples, vou explicar como funcionou lá em casa.

Estou numa fase naturalista, de comer muitas verduras, legumes e frutas no lugar dos carboidratos. E quando eu digo que eu estou numa fase naturalista, como sou eu quem cozinha, isso significa que a dieta de todos os outros membros da família muda radicalmente. Pois foi assim dessa vez, eu servia muita salada, muito legume cozido, carne só assada ou grelhada.

Ao final de duas semanas, levanto de manhã junto com meu marido que se arruma para trabalhar. Estou lavando a louça do café e ele está colocando a roupa para já ir trabalhar. Aparece na porta da cozinha todo feliz:

– Amor, esse negócio de comida natural é bom mesmo. Acho que perdi barriga e todos os pneuzinhos. Olha como meu cinto está largo, estou no último furo e ainda está largo.

Ele acaba de se arrumar e sai, todo saltitante e feliz. Ganhou o dia.

Dali a uma hora mais ou menos, aparece meu filho na cozinha. Bem mais alto que meu marido, tem 1,91 metros e pesa mais que 100 quilos, o que para ele não significa gordura, já que tem estrutura grande. Está se arrumando para a segunda fase do vestubular. Dali a pouco aparece na porta da cozinha de novo.

– Mãe, você viu meu cinto?

Não, eu não vira. Mas como sei que homem quando está com pressa não acha nada, e além de tudo deixa a maior bagunça pra trás, corro para ajudá-lo a encontrar. Procura que procura e nada. Ele vai para a cozinha procurar. Claro que não está. A gaveta de meu marido está entreaberta. Dentro da gaveta vejo um objeto negro suspeito.

Abro a gaveta. Um cinto. Seria de meu marido? Pergunto a meu filho. Ele coloca o cinto, com muito esforço consegue fazê-lo fechar na marra. Está com pressa e tem que sair logo. Então me vem a idéia:

– Mas esse cinto não é seu. Será que foi por isso que ele achou o cinto muito grande?

Meu filho põe a mão na cabeça:

– Mãe, não acredito que ele vai cortar meu cinto de novo…

Ligo para meu marido. Ele conta que assim que chegou pediu uma tesoura à secretária. Contou também que disse à ela, mostrando a folga no cinto:

– Olha como eu emagreci. Esse feriado foi bom mesmo. Agora tenho que cortar pelo menos 10 centímetros do cinto e colocar no último.

Eu dou então a ele a triste noticia de que ele não emagrecera coisa nenhuma. Mas antes tenho uma crise de riso.

2 Respostas to “A dieta do cinto”

  1. O tal do cinto estava no meu quarto, portanto pertence a mim.
    Agora que emagreci emagreci sim e tenho dito!!

  2. LOL. Vocês…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: