Fotos antigas

Estou escaneando algumas fotos antigas (e bota antiga nisso…) e é muito interessante olhá-las. Nelas eu vejo uma menina e consigo me lembrar do que eu pensava e sonhava naquela época. Claro que mudei, transformei-me em outra pessoa, mas em algum lugar dentro de mim aquela menina da foto ainda vive, vibra e sonha. Acho que é ela quem sonha, na verdade, porque as crianças nunca deixam de sonhar.

É interessante constatar que mesmo as crianças que vivem sob condições adversas, na pobreza ou na doença, no crime ou à margem da sociedade, relegadas a um segundo plano, sem família nem teto, ainda assim têm seus sonhos. A infância só acaba quando paramos de sonhar.

Minha menina ainda está aqui, vive e sonha. Ainda se admira com as descobertas e quer aprender mais. Faz planos a longo prazo como se a vida nunca fosse acabar. As crianças não vêem a morte da mesma forma que os adultos. Ainda conservo minha infância fresca e resguardada do mundo exterior em algum lugar e isso me ajuda a ser uma pessoa melhor. Ainda brinco comigo mesma e com os outros e sonho um futuro melhor para mim e para a humanidade. Para as crianças, principalmente.

(zailda coirano)

2 Respostas to “Fotos antigas”

  1. Ameiii…!!!
    Quando li:”As crianças não vêem a morte da mesma forma que os adultos”, me emocionei porque esse ano tive muitas perdas e não sei bem administrá-las.Não tenho a menor afinidade com a perda.
    Bjssss…milll…

    Zailda responde:
    É muito difícil administrar perdas, mas elas fazem parte da vida. A criança não tem essa consciência e por isso geralmente é feliz, não importa o que aconteça à sua volta. Quando crescemos muitas vezes perdemos a capacidade de sentir prazer com as pequenas coisas e isso nos leva a uma vida depressiva e sem graça.
    Obrigada pela visita!
    Beijos

  2. rogerio assis Says:

    zailda, por acaso, quando olho pra o teu rosto, como q vejo a sombra dessa criança sempre presente em ti…cresceste tanto q hj es um mulher cinquentona, realizaste todas as etapas da vida , mas sinto q dentro de ti ainda está viva a menina q tu foste…por isso acho tao importante se encontrares essas fotos antigas pra q essa criança d certa forma retorne de novo à vida, mesmo q sob a forma d fotografia
    Rogério

    Zailda responde:
    Acho que tem razão, a menina não foi embora, continua mesmo aqui dentro, posso sentí-la às vezes. Adoro fotos antigas e pretendo publicá-las de tempos em tempos.
    Obrigada pelo comentário e volte sempre!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: